Até sábado, 01, está prevista a chegada do primeiro lote de imunizante da vacina da Pfizer/BioNTech, comprada pelo Brasil. Ainda nesta quinta, 29, a vacina chega ao Brasil.

Por conta do curto espaço de tempo e das exigências de armazenamento, que exige temperaturas muito baixas, o Ministério da Saúde informou que as doses serão distribuídas de forma igualitária entre as 27 capitais do país.

Os imunizantes serão entregues em temperaturas entre -25ºC e -15ºC, cuja conservação pode ser feita por, no máximo, 14 dias. Após chegarem às salas de vacinação, com temperaturas de armazenamento entre 2ºC e 8ºC, o prazo para aplicação é de cinco dias.

O Ministério da Saúde comprou, ao todo, um total de 100 milhões de doses da vacina. Em março, durante reunião com a farmacêutica, a pasta apresentou a previsão de que até junho seriam entregues 13,5 milhões. O imunizante pode ser aplicado em pessoas a partir de 16 anos de idade, em duas doses, com intervalo de 21 dias entre elas.