Sete pessoas morreram, este domingo, em decorrência de um tiroteio durante uma festa de aniversário, onde família e amigos se juntaram, em Colorado Springs, EUA.

A polícia, citada pela ABC, acredita que o atirador era o namorado de uma das vítimas. 

O suspeito teria disparado sobre as seis pessoas, suicidando-se em seguida. 

As autoridades receberam o alerta para a ocorrência, no Canterbury Mobile Home Park, pelas 12h20 locais (19h20 em Lisboa).

Assim que a polícia chegou ao teatro de operações, seis pessoas já estavam mortas e uma estava ferida com gravidade. Esta vítima viria, depois, a morrer no hospital. 

Na festa de aniversário havia crianças presentes, mas nenhuma delas ficou ferida. 

“Dos polícias que responderam ao tiroteio, aos investigadores que ainda estão no local, todos ficámos incrivelmente abalados. Isto é algo que nunca se espera que aconteça na sua própria comunidade, no lugar que a chamamos lar”, indicou o chefe da polícia de Colorado Springs, Vince Nisk, em comunicado. 

Por apurar estão, ainda, as motivações do crime, que estão a ser investigadas pela polícia.