A Tesla anunciou recentemente que deixaria de aceitar pagamentos em criptomoeda Bitcoin, uma decisão tomada devido a motivos ambientais. Numa publicação no Twitter, o fundador e CEO da empresa, Elon Musk, explicou um pouco melhor o que o levou a esta decisão.

“Para ser claro, acredito fortemente em criptomoeda mas não pode levar a um aumento de utilização de combustíveis fósseis, especialmente de carvão”, notou Musk. Vale lembrar que a decisão da Tesla de deixar de aceitar pagamentos em Bitcoin levou a uma desvalorização considerável da criptomoeda.

Por outro lado, Musk parece realmente interessado em continuar apoiando o crescimento da criptomoeda Dogecoin. Além de indicar que a Tesla poderá aceitar pagamentos com esta modalidade, Musk também revelou no Twitter estar trabalhando com a equipe de desenvolvimento da criptomoeda para “melhorar eficácia de transação”, notando que a colaboração era “potencialmente promissora”.

 

To be clear, I strongly believe in crypto, but it can’t drive a massive increase in fossil fuel use, especially coal

Elon Musk (@elonmusk) May 13, 2021

Working with Doge devs to improve system transaction efficiency. Potentially promising.

Elon Musk (@elonmusk) May 13, 2021