O Estado do Acre assinou, remotamente, a Carta do Turismo da Amazônia que visa integrar as rotas da região. A assinatura ocorreu no 1° Simpósio de Pesca Esportiva de Roraima, no dia 21 de maio.

No primeiro ano de assinatura da Carta será trabalhado o segmento da pesca esportiva. Foto: cedida

O objetivo da carta consiste em potencializar, de forma conjunta, as rotas turísticas amazônicas de forma a fortalecer e ampliar o turismo em toda a região, com prioridade para os segmentos do ecoturismo, turismo de aventura, de pesca esportiva, rural, experiência e etnoturismo. Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins assinaram.

“A Amazônia é linda. Todos os estados possuem belezas a serem mostradas e visitadas. Não conseguimos chegar a Roraima, mas assinamos digitalmente, por entendermos que essa integração de rotas é benéfica para todos os estados da região Norte e com toda a certeza fortalecerá o turismo na Amazônia”, ressalta a secretária de Empreendedorismo e Turismo do Acre, Eliane Sinhasique.

No primeiro ano de assinatura da Carta será trabalhado o segmento da pesca esportiva, cabendo aos secretários e dirigentes de cada Estado a definição dos próximos produtos a serem trabalhados.

Fungetur

Durante o encontro em Roraima, também foi debatido o acesso ao crédito, que é um mecanismo essencial para a retomada do turismo.

O Fungetur é uma linha de financiamento, com recursos do Ministério do Turismo e que, diante do cenário de crise provocado pela pandemia de Covid-19, conta com taxas (até 5% ao ano, acrescida da Selic) e prazos (até 240 meses) diferenciados para auxiliar empreendimentos turísticos em todo o país.

A oferta dessa linha foi possível pela liberação de um crédito ao Fundo. A medida do governo federal autorizou R$ 5 bilhões em crédito, principalmente, para micro, pequenos e médios empreendedores que atuam no setor e que tiveram suas atividades interrompidas pela pandemia.

Turismo de Pesca Esportiva no Acre

O turismo de pesca esportiva no Acre está em crescimento. Em Rio Branco, já é possível aproveitar espaços voltados para a prática. Conheça:

Recanto do Tambaqui

No local, é possível encontrar peixes como: tambaqui, piraquitinga, tilápia e outros. Você pode alugar seu material de pesca. O peixe é vendido por quilo.

Também possui piscinas, espaço para as crianças e um restaurante  onde o cliente pode apreciar a culinária acreana.

Funciona de quarta a domingo, das 9h às 19h. A entrada é franca.
Informações: (68) 981102234.

Recanto do Tambaqui funciona de quarta a domingo, das 9h às 19h. Foto: cedida
Manto Verde

O Restaurante Manto Verde é mais um espaço para a prática de pesca esportiva. O peixe também é vendido por quilo e o kit pesca também pode ser adquirido no local.

O local possui ainda restaurante com pratos regionais e um açude azul que impressiona pela beleza. Além da pescaria, é possível praticar mergulho e passeios de barco ou caiaque.

O restaurante funciona de sexta a domingo e nos feriados, das 11h às 16h. Nos demais dias, é possível praticar pesca realizando agendamento prévio nos telefones (68) 99946-3991 ou (68) 99959-0734.

No Manto Verde peixe também é vendido por quilo e o kit pesca também pode ser adquirido no local. Foto: cedida
Piracema Park Club

No Piracema Park Club é possível pescar recreativamente na modalidade pesque e pague. São mais de 90 hectares de lâmina de água.

O espaço conta ainda com restaurantes, chalés, garagem para lancha e jet-ski. Passeios como pedalinho e banana bolt. Atrações para a família inteira.

A entrada custa R$ 10. Funciona sábado e domingo, das 8h às 19h. Informações: 68 99967-3373.

Círculo Militar

No Círculo Militar, os amantes da pescaria podem praticar a atividade, de terça a domingo, das 8h às 18h. Peixes da Amazônia como: tucunaré, pintado, pirarara, pirarucu e outros, são abundantes no local.

A entrada é franca e só paga se quiser levar o peixe que pescou, que é vendido por quilo. Além da pescaria, é possível utilizar o restaurante do local. Outros espaços como: áreas de tênis, vôlei, piscina, pista de caminhada e quiosques, é possível utilizar tornando-se sócio do local.

Contato para mais informações: 68 99937-8989.

No Círculo Militar é possível realizar a prática de pesca esportiva. Foto: cedida