SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O Palmeiras do técnico Abel Ferreira terá quatro desfalques de peso por até os próximos três jogos: os convocados Weverton, Gabriel Menino, Gustavo Gómez e Viña. Para substituir o quarteto selecionável, o técnico português aposta nas “crias” da base do Verdão.

Após a derrota por 1 a 0 para o Flamengo neste domingo (30), Abel afirmou, no entanto, que acredita que os jovens que já fazem parte do elenco principal precisam de foco e concentração para desempenharem um bom futebol.

“Nossas crias são jogadores com muita intensidade, mas está tudo acontecendo muito rápido para nossas crias. Eles chegaram ao profissional muito rápido, ainda não estabilizaram aqui e já se fala que podem ir para todos os clubes do mundo. Acho que falta um pouquinho de estar focado e concentrado em tudo que temos que fazer, sobretudo aos mais novos. Saem notícias em todo o lado que querem todos os nossos jogadores, eu também já tive 18 anos, 20, a estabilidade emocional é muito importante”, disse o português.

Ainda sem conseguir os reforços pedidos à diretoria, Abel voltou a afirmar que vai buscar reposição para os quatro jogadores convocados para as seleções dentro do próprio elenco. Enquanto Gabriel Menino foi chamado para a seleção brasileira olímpica, Weverton, Gómez e Viña estão na relação principal de Brasil, Paraguai e Uruguai, respectivamente.

“Nossos reforços estão aqui dentro. Vamos olhar para os jogadores que temos e montar a melhor equipe. Temos que ser verdadeiros uns com os outros: uma coisa é jogar com o Weverton, outra coisa é jogar sem. Vai jogar um goleiro, com certeza, não há como jogar sem. Uma coisa é jogar com o Gómez, outra é jogar sem, mas vai jogar, seguramente, um central. É fazer o que sempre fizemos: trabalhar com os recursos que temos, olhar para os guris, para as crias e tentar dar o nosso melhor.”

A tendência é que o goleiro Vinicius fique com a vaga de Weverton, Renan ocupe o lugar de Gómez e Victor Luis seja escolhido para o lugar de Viña – como já vem acontecendo. Todos são revelados pelo Verdão. Na vaga de Menino, no entanto, a escolha natural deve ser Mayke, esse contratado junto ao Cruzeiro em 2017. A alternativa entre as “crias” seria Garcia.