SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O OnlyFans, site que permite cobrar pelo acesso aos posts, é conhecido por hospedar algumas publicações eróticas. Mas, ao que parece, a plataforma quer mudar essa fama. Ela anunciou nesta quinta-feira (19) que vai banir conteúdo “sexualmente explícito” a partir de 1º de outubro.

Contudo, a plataforma afirmou que os usuários poderão publicar fotos e vídeos contendo nudez, desde que estejam dentro das novas políticas anunciadas pela empresa.

Durante a pandemia, o OnlyFans atraiu mais de 130 milhões de usuários, já que profissionais do sexo, músicos e influenciadores digitais começaram a postar conteúdos no site e cobrar dos fãs para terem acesso exclusivo.

Segundo a empresa, as mudanças serão feitas devido a pressão de parceiros financeiros da empresa, que solicitaram a retirada de conteúdo erótico explícito.

“Para garantir a sustentabilidade a longo prazo de nossa plataforma e continuar a hospedar uma comunidade inclusiva de criadores e fãs, devemos desenvolver nossas diretrizes de conteúdo”, afirmou o OnlyFans.

De acordo com a Bloomberg, a plataforma afirmou que fornecerá mais orientações sobre sua nova política em breve. A empresa movimentou mais de US$ 2 bilhões (cerca de R$ 10,8 bi, na cotação atual) em vendas no ano passado e deve gerar mais que o dobro neste ano -ela fica com 20% desse valor.

APP SEM NUDEZ

Para seguir as regras impostas pelas lojas de aplicativos do Google e da Apple, o OnlyFans chegou a anunciar a criação do aplicativo OFTV, que proíbe nudez.

Disponível para downloads em celulares com sistema operacional Android e iOS, o novo app conta com vídeos gratuitos e inclui uma série original com a famosa ex-atriz pornô Mia Khalifa, além das atrizes Bella Thorne e Holy Madison.

Segundo a Bloomberg, o app faz parte da estratégia da empresa de se descolar da imagem de site ligado ao conteúdo adulto. Ele também conta com conteúdos de instrutores de pilates, meditação, culinária, entre outros.

As notícias envolvendo o OnlyFans viraram assunto de comentários e piadas nas redes sociais nesta quinta. Até por volta das 19h, ele estava entre o tema mais falado no Twitter (96,2 mil tuítes).