SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Antonela Avellaneda, 33, afirmou ter sido deixada pelo marido, Tati Fdez, após ataques sofridos pelo casal nas redes sociais. A argentina, que estava casada há cerca de 3 anos, revelou após ter sido eliminada do Ilha Record que seu envolvimento com Pyong Lee, 28, durante o programa era uma estratégia.

“As pessoas não sabem os danos causados por cada comentário, cada agressão nas redes sociais”, comentou a participante. “Meu marido me deixou não pelos fatos, já que foi apenas um mal-entendido, mas pelo maltrato de todos vocês que fazem perfis falsos e não têm limites, destroem as pessoas.”

A argentina ainda chamou de “falsos moralistas” aqueles que criticaram a participação dela no reality show comandado por Sabrina Sato. Antes mesmo da estreia do Ilha Record, já havia rumores de que Antonela e Pyong haviam “ficado” durante as gravações.

A mulher de Pyong, Sammy Lee, anunciou o fim do casamento de ambos antes de qualquer intimidade entre os dois ser mostrada no ar. Recentemente, o casal anunciou que está em um retiro espiritual, onde estão tentando se reconectar.

Já o casamento de Antonela sequer era de conhecimento do público até recentemente. A argentina não costumava publicar fotos com o marido, e o marido dela não é conhecido da mídia.

De qualquer modo, quando a suposta traição foi ao ar no programa, as cenas não mostraram nada demais. Antonela e Pyong apenas se deitaram juntos debaixo do edredom e conversaram sobre o jogo. Apesar das investidas dela, o hipnólogo disse que não estava interessado.