O atacante Marcos Vinicius, também conhecido como MV, do Volta Redonda, passou por uma situação desconfortável após a derrota do time fluminense para o Santa Cruz. O jogador necessitou de uma operação cirúrgica para reconstruir o saco escrotal, pois sofreu um pisão na região íntima durante a partida, válida pela Série C do Campeonato Brasileiro.

Segundo nota médica da equipe, o atleta não teve problemas na intervenção cirúrgica, feita no Real Hospital Português, localizado em Recife. MV teve alta nesta terça-feira e volta ao Rio de Janeiro na manhã desta quarta.

“A cirurgia foi um sucesso, o atleta está em um quarto particular, acompanhado pelo gerente de futebol Zada, e terá alta hoje de tarde, ficando em um hotel até o horário do voo de volta, que será na manhã desta quarta-feira. O Volta Redonda agradece toda a equipe médica do hospital Real Português pelo grande atendimento e carinho que tiveram com o nosso atleta”, informou o clube.

Jogando no estádio do Arruda, o atacante foi derrubado no final da etapa inicial pelo meia Tarcísio, que pisou sobre a bolsa escrotal do adversário em seguida. O jogador do Volta Redonda foi atendido pela equipe médica e deixou o campo de ambulância.

Recentemente, o atleta de 22 anos renovou seu contrato até o final de 2022 com a equipe da Série C. Campeão da quarta divisão nacional em 2016, o time do sul fluminense integra a elite do Campeonato Carioca.