Com o grande esforço para engolir, a barriga da cobra não aguentou e se abriu

Após perceber que uma de suas vacas estava sumida de seu rebanho, um fazendeiro procurou o animal e se deparou com uma cena impressionante: uma cobra píton com o estômago se rasgando após engolir a vaca inteira. O caso aconteceu na Tailândia, no último dia 20 de agosto. 

A cobra de 4,5 metros devorou o animal que estava desaparecido há três dias e o vídeo, transmitido pelo Sputinik, mostra cenas macabras do réptil com a vaca inteira na barriga, que não teria suportado a farta refeição e teve o estômago rasgado, ficando os restos de ambos os animais espalhados pelo terreno.

Especialistas em cobra acreditam que o estômago da píton tenha ficado rasgado após o grande esforço para engolir a farta e gigante refeição.

Tempo de digestão de uma píton

É comum ver imagens de uma cobra devorando outros animais. Mas como funciona a digestão da ingestão das presas?

O biólogo americano Stephen M. Secor, analisou radiografias de uma píton enquanto ela digeria um jacaré. De acordo com o especialista, a cobra precisou de seis dias para digerir um jacaré inteiro. 

“O jacaré se decompõe lentamente graças à ação combinada do ácido clorídrico e a enzima pepsina”, explicou. “É surpreendente a facilidade com que as pítons podem digerir presas desse tamanho.”

No entanto, pela vaca ser um animal maior e com mais camadas de pele, a digestão do animal é maior ou quase impossível, podendo acontecer, o que aconteceu com o réptil da Tailândia.