O palácio está em alvoroço depois de ter acontecido um grande ‘furo’ em relação aos planos secretos feitos para o funeral da rainha Elizabeth, quando ela morrer, obviamente. De acordo com o jornal The Mirror, já foi aberta uma investigação de maneira a apurar como é que tais informações vieram a público.

Segundo o que foi revelado anteriormente, o funeral será composto por um programa de 10 dias e designa-se como ‘Operação London Bridge’. Também foi revelado que há preocupações com a multidão que iria até Londres, tendo em conta que se espera que milhões de pessoas queiram prestar uma última homenagem à monarca. 

Quanto ao príncipe Charles, depois de subir ao trono, irá fazer uma turnê pelo Reino Unido – a ‘Operação Spring Tide’. 

Como se vê, estas são informações detalhadas, pelo que se deu início a um inquérito formal para entender de onde as mesmas vieram. Vale destacar que há vários departamentos que estão ao corrente dos planos, incluindo a polícia, governo local e a casa real.