SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Flávia Alessandra, 47, relembrou neste sábado (4) o seu trabalho em “Duas Caras”, novela de 2007 que acaba de ser disponibilizada no Globoplay. A atriz fez grande sucesso na trama como Alzira, uma enfermeira que, à noite, se esconde sob uma máscara e se apresenta no pole dance em uma casa noturna.

Na história, a personagem se envolvia amorosamente com Juvenal Antena, papel vivido por Antonio Fagundes. Em conversa com seus seguidores no Instagram, Flávia disse era um grande desafio fazer as cenas sensuais de Alzira com o ator, que é uma referência na dramaturgia brasileira.

“[Não sentia] vergonha não. Mas é que com o Fagundes, interpretar e atuar já é um desafio, ainda mais fazer cena de pole..”, afirmou.

“Numa das sequências, em que ela dança numa coisa private, só para ele, eu escorreguei. Me segurei. E ele me olhou como se dissesse: “Vai, confia”. Deu certo. A gente não parou. A cena foi ao ar. Tem um pedaço em que estou escorregando que só eu sei”, contou.

Flávia disse também que se machucou várias vezes durante as gravações das cenas de pole dance. “Mas lesionei mesmo foi o meu ombro, porque era muito esforço repetitivo e em pouco tempo que eu tinha para aprender. Até hoje tenho meu ombro direito mal por causa da Alzira”, afirmou.

Ela acrescentou que nunca mais se aventurou no pole dance. “Nunca mais eu vi um poste na minha frente, não sei se eu ainda consigo dançar.”

Flávia relembrou que logo no primeiro fim de semana que uma cena de Alzira foi ao ar, ela teve de viajar para Argentina para o casamento de uma amiga. No retorno ao Brasil, já percebeu que a personagem teve uma grande repercussão com o público. “Na volta, o aeroporto todo estava parado, me olhando, Foi muito doido. Aí eu vi que a Alzira tinha dado certo”, relatou.