O filho do ex-governador Edmundo Pinto, ex-vereador Rodrigo Pinto, usou as redes sociais nesta segunda-feira, 6, para repudiar a atitude do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, onde decretou na última semana a prisão de Algumas figuras apontadas como ‘bolsonaristas’, como por exemplo, o caminhoneiro bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão.

O inquérito que motivou a detenção investiga ameaças à democracia em atos violentos que foram organizados para o 7 de Setembro, Dia da Independência do Brasil.

Pinto fez uma postagem bastante polêmica, nela ele diz que Alexandre de Moraes não é homem, mas apenas uma ‘rato vestido com um manto preto’. O ex-parlamentar sugeriu, inclusive, que Moraes renuncie à cidadania brasileira. “Covarde, psicopata, bandido. Suas atitudes retornarão para você, faça uma favor para si mesmo, saia do Brasil e renuncie sua cidadania brasileira”, declarou.

Por fim, Rodrigo ressaltou que o país está diante de sequentes abusos de autoridade. “É triste ver minha pátria e os brasileiros sofrendo diante de tantos abusos de autoridade. 07 de setembro será o grito de liberdade ou de guerra”, encerrou.