Dados do Programa Nacional de Imunização (PNI) apontam que o estado do Acre é o 12º na relação nacional de estados que mais aplicaram a vacina em relação às doses distribuídas às secretarias municipais. Os números são referentes até o último dia 22 de setembro. Até o momento, ao menos 58,38% do público de 12 a 17 anos já recebeu a primeira dose e 82,7% da população já foi imunização.

O Estado vem realizando mutirões, ações itinerantes, arrastões e demais ações em busca de atrair as pessoas a se imunizarem. Ainda assim, há municípios com baixa adesão.

De acordo com a coordenadora do PNI, Renata Quiles, “questões culturais e religiosas e dificuldades de se ausentar do trabalho para se vacinar” são as alegações mais comuns ouvidas pelas equipes de imunização. E por isso, além das questões logísticas, a conscientização e desmistificação de fake news é realizada durante as ações.

O Acre recebeu do Ministério da Saúde nessa terça-feira, 5, mais lotes de vacina contra a Covid-19, sendo 10.500 doses do imunizante da Fiocruz/AstraZeneca e 7.020 do produzido pela farmacêutica Pfizer. O imunizante da Pfizer será utilizado para a aplicação da dose de reforço para idosos acima de 60 anos, imunossuprimidos e profissionais da Saúde, enquanto a vacina da Fiocruz/AstraZeneca será destinada às segundas doses.