O líder do governo na Aleac, deputado Pedro Longo (PV), anunciou durante a sessão desta terça-feira, 5, da Assembleia Legislativa, que está completando um ano como deputado estadual. Ele assumiu o cargo no auge da pandemia, em 2020, após a cassação do mandato da deputada Juliana Rodrigues.

“Busquei honrar cada voto recebido. Foi um ano de trabalho bastante intenso”, relatou, destacando o projeto de compliance aprovado pelos deputados. Além desse, Longo destacou a lei que dispensa de licenciamento ambiental para extração de piçarra e barro para ações emergenciais nos ramais do Acre.

“O projeto que apresentamos é uma lei autorizativa que permite que os RGs sejam emitidos nos cartórios”, citou. Ele pediu agilidade no termo de cooperação cartorial.

“Busquei ser o mediador de todas as demandas que chegam a esta Casa”, disse Longo, citando como exemplo a mediação nos cadastros de reserva.

O líder destacou ainda a luta em favor das categorias minoritárias no governo. “Aproveito para agradecer aos colegas pela acolhida. Busco fazer com que este mandato seja efetivamente de contribuição”.