SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O ex-namorado da cantora Britney Spears, 39, o dançarino Kevin Federline, 43, está feliz pela vitória da artista na batalha judicial para se livrar da tutela de seu pai, segundo seu advogado, Mark Vincent Kaplan, disse em entrevista a People.

“Se Britney quer ver as crianças, ela pode ver as crianças”, afirmou Kaplan. “Obviamente não sabemos se a tutela continuará, mas desde que os meninos sejam devidamente supervisionados e seguros, e Britney seja capaz de fazer isso sem a presença de um conservador, ele está feliz.”

Britney é mãe de Sean Preston, 16, e Jayden James, 15, frutos do relacionamento com Federline. Uma fonte próxima à cantora afirmou, também à revista, que a artista “culpa” seu pai por não ter visto os filhos “tanto” desde agosto de 2019. “Ela espera poder ver mais seus meninos agora”, completou a fonte.

Kaplan pontuou que desde que Jamie Spears foi suspenso da tutela, os filhos da estrela do pop “devem ser capazes de se beneficiar da remoção do estresse de sua vida para eles terem sua mãe no seu melhor”. Apesar do advogado ter se recusado a comentar sobre o acordo de custódia de Federline, ele ainda diz que o dançarino está aberto à ideia.

Agora, o advogado de Britney, Mathew Rosengart, deixou claro que irá permanecer focado em “encerrar toda a tutela” na próxima audiência, que acontecerá em 12 de novembro. “Ela está muito esperançosa agora que seu pai saiu”, disse a fonte. “Britney acha que tudo será totalmente diferente com Jamie fora de sua vida.”

O ex-empresário da cantora, Larry Rudolph, que se demitiu do cargo em julho, confidenciou ao TMZ que Spears já estava pensando em deixar de cantar mesmo antes de se livrar da tutela do pai após 13 anos. Fontes ouvidas pelo site também confirmaram a intenção de Britney.

Britney não vai ser mais controlada pelo pai, Jamie Spears, que exercia a função de tutor da cantora desde 2008. A decisão, que tem efeito imediato, foi tomada pela juíza Brenda Penny durante uma audiência na Justiça americana.

Jamie havia anunciado que desistiria de ser tutor da filha, mas isso só seria concretizado na audiência sobre o caso marcada para janeiro de 2022. Os advogados de Britney haviam pedido para acelerar esse processo –no que foram atendidos.

Entre os motivos que foram alegados na petição estava a vontade da cantora de se casar com o noivo, Sam Asghari. Ela não poderia assinar o acordo pré-nupcial sem a anuência do pai.
Até a próxima audiência, a fortuna da cantora segue sob a tutela de um contador, John Zabel, indicado pela Corte. Ele vai dar a palavra final com relação às decisões financeiras relacionadas ao patrimônio de Britney (avaliado em US$ 60 milhões, cerca de R$ 325 milhões).

Já Jodi Montgomery, que é responsável por assuntos pessoais e decisões médicas, também continua no cargo. Ela é uma tutora profissional, também indicada pela Justiça.

Esse é um dos capítulos mais importantes na novela sobre a tutela da cantora, que há 13 anos vem gerando manchetes nos tabloides do mundo todo. Só nos últimos meses, a cantora ganhou a permissão de contratar o próprio advogado, bem como deu um depoimento emocionado à Justiça sobre a tutela.

“Eu realmente acredito que essa tutela é abusiva”, disse ela na ocasião. “Não sinto que posso viver uma vida plena.”

Britney disse ainda ao tribunal que deseja ter mais filhos, mas foi impedida de fazê-lo. “Eu tenho um DIU em meu corpo agora que não me deixa ter um bebê e não me deixam ir ao médico para retirá-lo”, revelou. “Eu quero poder me casar e ter um filho. Disseram-me com a tutela que eu não era capaz de me casar e ter um filho”.

Recentemente, a cantora compartilhou fotos nua no Instagram durante viagem com Sam Asghari. “Se divertir no Pacífico nunca machucou ninguém”, escreveu a cantora na legenda das fotos que tinham emojis cobrindo as partes íntimas

A cantora também compartilhou um vídeo de suas férias na praia com o noivo. A filmagem mostrou ainda uma piscina infinita com vista para a praia e o casal em um barco. Britney foi vista rolando na água vestindo apenas a parte de baixo do biquíni vermelho.