SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A apresentadora da Record Ana Hickmann, 40, revelou ao Link Podcast, comandado por Celso Zucatelli, que está processando o hotel, em Belo Horizonte (MG), onde foi atacada por um homem armado, que dizia ser seu fã, em 2016. Na época, sua cunhada Giovana Oliveira foi baleada e o agressor morto pelo cunhado Gustavo Corrêa, que reagiu ao ataque.

“Existem três processos que correm em segredo de justiça contra o hotel, que foi negligente em muitas coisas”, afirmou a apresentadora

Ana contou a Zucatelli que o agressor rendeu o cunhado pouco antes de entrar no quarto. “Invadiu, fez roleta russa com a gente. Foi uma coisa horrorosa. Foram 20 e poucos minutos de tortura psicológica”, disse.

A apresentadora descreveu o agressor como uma pessoa doente que precisava de ajuda e ninguém percebeu. “Se alguém um dia eu falasse para mim que isso ia acontecer não ia acreditar,”

Ana falou ainda dos momentos difíceis que a família viveu com as questões judiciais que surgiram após o atentado. Segundo ela, a família foi vítima do ataque e o cunhado foi parar no banco dos réus por ter reagido e matado o agressor.

“Porque quando o Gustavo sentou lá, ele não sentou sozinho, eu e a Giovana estávamos junto com ele, ali naquele momento, a família toda, e aquilo não era justo. “Graças a Deus vencemos e provamos isso, deixamos bem claro o que aconteceu que foi defesa”.

ATAQUE

Rodrigo Augusto de Pádua se hospedou no hotel Caesar Business, um 4 estrelas do bairro Belvedere, na capital mineira, onde a apresentadora também estava, em maio de 2016. Ana Hickmann tinha ido a Belo Horizonte para lançar uma coleção de roupas de sua marca.

O homem, armado com um revólver calibre 38, rendeu Gustavo Corrêa (cunhado da apresentadora, casado na época com Giovana) no corredor para forçá-lo a entrar no quarto onde Ana Hickmann e a assessora estavam. Muito agitado e falando frases desconexas, ele obrigou os três a se virarem de costas, encostados na parede, com as mãos na cabeça.

Segundo a PM, Gustavo se recusou a cumprir a ordem. O atirador, então, disparou duas vezes contra Giovana. O cunhado da apresentadora reagiu e entrou em luta com Rodrigo. Ana Hickmann e sua assessora saíram correndo do quarto.

Gustavo afirmou à polícia que, durante a briga, a arma de Rodrigo disparou. O atirador morreu no local. Após a briga, Gustavo desceu no térreo e entregou a arma na recepção. A polícia foi chamada.

Nascida na cidade de Santa Cruz do Sul (RS), Ana Hickmann mudou-se para São Paulo aos 15 anos, quando conseguiu seu primeiro contrato com uma agência e passou a despontar no mercado.

Em 2004, estreou como apresentadora de televisão no programa “Tudo a Ver”, da Record. Ao lado de César Filho e Renata Alves, atualmente a gaúcha comanda o “Hoje em Dia”. Mãe de Alexandre, é casada com Alexandre Corrêa desde 1998, quando ela tinha 17 anos.