segunda-feira, maio 27, 2024
Esportes

Fla ganhou quase R$ 245 milhões com time campeão brasileiro sub-20 em 2019

RIO DE JANEIRO, RJ (UOLFOLHAPRESS – O Flamengo decide a final do Campeonato Brasileiro sub-20 diante do Palmeiras nesta quinta-feira (07), no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, às 11h (de Brasília). Em 2019, primeiro e último ano em que foi campeão, o time rubro-negro viu o time formado render quase R$ 245 milhões.

QUEM JOGOU

A escalação do Flamengo titular tinha Hugo Souza, Matheuzinho, Gustavo, Natan, Ramon, Luiz Henrique, João Gomes, Richard Rios, Yuri César, Wendel e Vitor Gabriel.

Os suplentes que entraram em campo foram Otavio, Rodrigo Muniz, Lázaro, Yuri Oliveira, Guilherme Bala e Matheus Alves. Também estavam no banco Padro Caracoci, Luis Gustavo, Gabriel Noga, Ítalo, Lucas Gabriel e Denilson.

Todos eram treinados por Maurício Souza, o Mauricinho, que mais recentemente foi comandante do Vasco.

Desse grupo, apenas Matheuzinho segue no Flamengo.

QUANTO RENDERAM OS TITULARES

O zagueiro Natan, que chegou a ser usado no profissional, está no Napoli. Ele foi vendido inicialmente ao Red Bull Bragantino em 2021 após empréstimo por R$ 22 milhões. Na ida ao time italiano, o Fla ainda faturou 1,2 milhão (R$ 6,5 milhões na época).

O lateral Ramon se envolveu na morte de um ciclista em 2021 e no ano seguinte acabou emprestado pelo Flamengo ao Red Bull Bragantino. Em 2023, o clube acertou a venda ao Olympiacos, da Grécia, de 70% por 1,5 milhão de euros (R$ 8 milhões na época). Ele está emprestado ao Espanyol atualmente.

O volante João Gomes foi fundamental no time principal e vendido ao Wolverhampton, da Inglaterra, por 18,7 milhões de euros (R$ 103,2 milhões na época) neste ano.

Richard Ríos está no Palmeiras, mas rescindiu o contrato depois de ter poucas oportunidades no profissional. Se destacou pelo Guarani e foi para o time alviverderdão. Como manteve 25% dos direitos, o Fla recebeu R$ 1,5 milhão.

Yuri César foi vendido em 2021 ao Shabab Al-Ahli, dos Emirados Árabes, por 6 milhões de dólares (R$ 31 milhões na época).

Já Vitor Gabriel foi vendido em julho deste ano por 1,2 milhão de dólares (R$ 5,8 milhões na época) ao Gangwoon, da Coreia do Sul. Metade do valor ficou com o Fla e o resto com o Nova Iguaçu.

O goleiro Hugo Souza está emprestado ao Chaves, de Portugal por um ano, com opção de compra de 50% dos direitos por 1,2 milhão de euros (R$ 6,2 milhões).

Gustavo estava somente emprestado ao Fla e nunca atuou no profissional. Luiz Henrique deixou o clube ao final do contrato. Wendel foi para o Leixões, de Portugal, mas a equipe manteve apenas 50% dos direitos.

E QUEM ENTROU DO BANCO?

Otávio fez um jogo no profissional, foi emprestado ao Sampaio Correa e seguiu para o Famalicão, de Portugal, que acabou o comprando. O valor foi de R$ 2,6 milhões por 80% dos direitos.

Rodrigo Muniz chegou até a disputar vaga no ataque em 2021, mas acabou vendido ao Fulham por 8 milhões de euros (cerca de R$ 50 milhões, na cotação da época).

Lázaro também saiu e foi vendido em setembro de 2022 ao Almería, da Espanha, que comprou o jogador por 7 milhões de euros (R$ 36,34 milhões na época).

Guilherme Bala estava somente emprestado. Yuri de Oliveira e Matheus Alves saíram sem custo.

QUEM PODE SURGIR AGORA

O badalado Flamengo costuma ser um espaço concorrido para os jovens da base, mas alguns que estão no time atual já participam do dia a dia do clube no Ninho do Urubu.

Lorran, Cleiton e Igor Jesus estão não só no radar de Sampaoli como já estão integrados ao time profissional.

Outros jovens da base já participaram de algumas partidas, como Werton, mas não subiram definitivamente. Dezessete atetas da base já tiveram pelo menos um jogo no profissional neste ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *