domingo, maio 19, 2024
Mundo

Saída do festival Burning Man tem engarrafamento quilométrico de três horas

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Depois de enfrentarem um fim de semana de tempestades no Deserto Black Rock, nos Estados Unidos, os participantes do festival Burning Man agora enfrentam um engarrafamento quilométrico para deixar o local.

O tempo no trânsito para sair do local do evento chega a três horas. Segundo cálculos oficiais, 73 mil pessoas participaram do festival.

Por causa da chuva, a organização do Burning Man impediu que muitas pessoas deixassem o deserto durante o fim de semana, estabelecendo também um limite de velocidade para os automóveis.

A organização do evento também orientou que os participantes, todos ilhados, estocassem água e combustível, garantindo mantimentos para o tempo em que ficassem abrigados no deserto.
Burning Man é um festival contracultural e exotérico que acontece todos os anos no deserto desde 1986.

Leon Rice, de 32 anos, morreu durante a chuva que castigou o deserto, transformando a região em um lamaçal. A causa da morte ainda não foi informada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *