quarta-feira, abril 24, 2024
Famosos

Fernanda Montenegro rebate boato de que recebeu cachê para ler Constituição em evento do STF

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A atriz Fernanda Montenegro, 93, veio a público nesta sexta-feira (6) para esclarecer uma polêmica que ganhou destaque nos últimos dias. Em seu perfil oficial no Instagram, a artista negou que tenha recebido qualquer tipo de cachê pela leitura dos trechos da Constituição Federal.

“Nota de esclarecimento: Informo às redes sociais/internet que não recebi nenhum cachê pela leitura de trechos da nossa Constituição. Sou uma cidadã lendo um documento que garante dignidade a todos nós, brasileiros. Fernanda Montenegro”, declarou a atriz em sua postagem.

A controvérsia surgiu após o presidente do Supremo Tribunal Federal, o ministro Luís Roberto Barroso, apresentar um vídeo durante a sessão solene realizada nesta quinta-feira (5), em que Fernanda declamava trechos considerados essenciais da Constituição Federal. A ocasião marcava o 35º aniversário da promulgação do documento.

No vídeo, a atriz leu passagens que destacam os objetivos fundamentais da República, incluindo a construção de uma sociedade livre, justa e solidária, o desenvolvimento nacional e a erradicação da pobreza, marginalidade e desigualdades, sem discriminação de origem, raça, sexo, cor ou idade.

Além disso, a artista enfatizou o artigo 5º da Constituição, que estabelece a igualdade de direitos e deveres entre homens e mulheres, a liberdade de crença e a criminalização do racismo, bem como a ação de grupos armados contra a ordem constitucional e o estado democrático.

O presidente do STF agradeceu à atriz durante a sessão. “Ela emprestou sua maravilhosa arte para ler, com alma, algumas das principais disposições da Constituição brasileira”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *