quarta-feira, maio 22, 2024
Economia

Saque do FGTS é liberado para atingidos por ciclone no Rio Grande do Sul

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O saque do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) foi liberado para vítimas de fortes chuvas provocadas por ciclone no Rio Grande do Sul, informou a Caixa Econômica Federal na tarde desta quarta-feira (6).

Trabalhadores com saldo em conta podem retirar até R$ 6.220. Única exigência é não ter realizado operação pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses.

A Caixa ressalta que o saque emergencial do FGTS é uma modalidade apenas para casos de extrema urgência por desalojamento decorrente de desastre natural.

O número de gaúchos mortos até agora chegou a 36, segundo a Defesa Civil do estado. São 79 municípios com registros de destruição. Há 2.319 desabrigados e 3.575 desalojados.

As 36 mortes ocorreram em Muçum (14), Roca Sales (9), Lajeado (3), Estrela (2), Cruzeiro do Sul (2), Ibiraiaras (2), Passo Fundo (1), Mato Castelhano (1), Encantado (1) e Santa Tereza (1). As informações sobre o número de vítimas e as cidades onde elas moravam estão sendo revisadas constantemente pela Defesa Civil.

Ao menos nove pessoas seguem desaparecidas.

Formado por cerca de 40 municípios, a região do Vale do Taquari é a mais afetada pelos temporais -com o volume das chuvas, o rio Taquari transbordou e inundou imóveis e estradas.

“Lamentamos cada vida perdida e estamos trabalhando para fazer todos os resgates possíveis nas regiões mais atingidas. Milhares de pessoas já foram salvas por nossas equipes”, escreveu o governado, Eduardo Leite (PSDB) em uma rede social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *