terça-feira, abril 23, 2024
Esportes

Messi marca, assume artilharia e a Argentina derrota Equador nas Eliminatórias

Com um gol de Messi, a Argentina derrotou o Equador, nesta quinta-feira, em Buenos Aires, em duelo válido pela primeira rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2026. O craque argentino atingiu a marca de 29 gols em eliminatórias e se igualou ao uruguaio Suárez.

A Argentina lidera as eliminatórias com três pontos, ao lado da Colômbia. Já o Equador fica três pontos negativos aopis ter sido punido pelo caso do jogador Byron Castillo, que usou documentos falsos durante as Eliminatórias da Copa de 2022.

A Argentina chegou a ter 80% de posse de bola no primeiro tempo, mas só foi finalizar aos 15 minutos com um chute de Messi de fora da área.

Apesar de pressionado, o Equador se manteve fiel ao seu esquema tático e, aos 25, com Enner Valencia, atacante do Internacional, arriscou para defesa de Emiliano Martínez.

Sem sucesso para furar o bloqueio equatoriano, a atual seleção campeã mundial passou a apostar nos cruzamentos e só foi ter êxito no último lance da primeira etapa, quando Lautaro Martinez, em posição duvidosa, acertou a trave. O lance não foi verificado pelo VAR porque o juiz apitou o final do primeiro tempo logo em seguida.

A pressão da Argentina foi ainda maior no segundo tempo. Aos 12 minutos, Tagliafico acertou o travessão em belo chute de fora da área. O Equador apostou nos contra-ataques, puxados com força por Enner Valência.

O jogo ficou tenso, com vários lances ríspidos dos dois lados. Apesar do nervosismo dos jogadores, o árbitro colombiano Wilmar Roldán preferiu a conversa aos cartões amarelos.

Aos 24 minutos, Messi encontrou espaço para carregar a bola e bateu colocado, mas sem força, facilitando a defesa do goleiro Galindez. O Equador reagiu no minuto seguinte e a finalização de Rodriguez também pecou pela falta de potência.

De tanto tentar o gol argentino saiu aos 32 minutos. Messi bateu falta frontal por cima da barreira e Galindez só olhou para a bola: 1 a 0.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *