quinta-feira, abril 25, 2024
Saúde

Sensibilidade ao leite pode aumentar risco de doenças cardíacas

A sensibilidade a alérgenos alimentares comuns, como o leite de vaca e o amendoim, pode ser um fator de risco subestimado para doenças cardíacas, segundo estudo da Universidade da Carolina do Norte, dos Estados Unidos.

Em artigo publicado, nesta quinta-feira (9/11), no The Journal of Allergy and Clinical Immunology, os pesquisadores mostraram que a presença de anticorpos IgE para alimentos que podem desencadear alergias está associada a um aumento significativo no risco de mortalidade cardiovascular.

“As pessoas que tinham anticorpos IgE contra alimentos que comem regularmente pareciam ter um risco aumentado de morrer de doenças cardíacas”, afirmou a professora de alergia pediátrica Corinne Keet, autora do estudo, em comunicado à imprensa.

A pesquisa utilizou informações de saúde de 4.414 adultos participantes da Pesquisa Nacional de Saúde e Exames (NHANES) e de 960 participantes do site Estudo Multiétnico de Aterosclerose (Mesa) para chegar à conclusão.

Entre o grupo de participantes NHANES, 229 participantes morreram por doenças cardiovasculares. Enquanto que 56 indivíduos morreram pelo mesmo motivo mo grupo Mesa.

Além do leite

A sensibilidade ao leite de vaca foi particularmente associada tanto entre os participantes do NHANES como do Mesa. A presença de anticorpos para o camarão e o amendoim tambéms foram identificados como fatores de risco adicionais para doenças cardíacas.

“Embora este estudo forneça boas evidências de uma associação entre a sensibilização a estes alérgenos e a morte por doenças cardiovasculares, há muito trabalho a ser feito para entender se esta é uma relação causal”, afirma Corinne.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *