segunda-feira, maio 27, 2024
Esportes

Matheus Cunha elogia Richarlison e exalta disputa por vaga com ‘amizade’ na seleção

A estreia de Fernando Diniz como técnico da seleção brasileira foi marcada por vitória e goleada, mas também por uma cena inesperada. Apesar da vitória por 5 a 1 sobre a Bolívia, em casa, o atacante Richarlison deixou o gramado em lágrimas. O jogador acabou sendo consolado pelos pais de Matheus Cunha, concorrente direto de Richarlison por uma vaga entre os titulares da seleção.

A cena foi revelada pelo próprio Matheus Cunha. “Logo após vê-lo daquela forma, estava com minha família, e foi uma cena legal que eu vou sempre lembrar, que foi meus pais terem saído para abraçá-lo. Acho que pelo simples fato de ter acontecido isso com o filho deles”, comentou o atacante.

Cunha se refere à dor que sentiu por não ter sido incluído na lista da seleção para a Copa do Mundo do Catar, no fim do ano passado. “Acho que com palavras é muito difícil explicar (a dor de não ser convocado). Vocês, como imprensa, querem participar da Copa do Mundo. Nós, como jogadores, queremos jogar a Copa do Mundo. Os trabalhadores querem ter folga para assistir à Copa do Mundo. Nós, como brasileiros, vivemos algo com a Copa do Mundo que é inexplicável”, lembrou.

O atacante destacou que a disputa por vaga na seleção é sadia e é permeada pela amizade dentro do elenco. “Pela nossa posição, temos uma responsabilidade, mas quero sempre que todos os meus concorrentes estejam no melhor nível possível. Porque só estando no meu melhor nível vou conseguir ganhar dele. Há uma amizade muito forte aqui e fazemos de tudo pelo grupo”, declarou.

Contando com este “melhor nível”, Matheus Cunha projetou a partida do Brasil com o Peru, na noite desta terça-feira, pela segunda rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026. O atacante afirmou que pretende ver a seleção “encantando” em campo.

“Temos uma análise grande. Conhecemos os jogadores e sabemos que podemos ser surpreendidos dependendo da forma que entramos. Temos que continuar fazendo o que já fizemos de uma forma bonita. Dar orgulho ao povo brasileiro e esse sonho de respeito que a Seleção Brasileira tem que passar para todo mundo. Entraremos com muito respeito contra o Peru, mas querendo ser o Brasil que encanta a todos”, declarou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *