quarta-feira, abril 24, 2024
Esportes

Corinthians vive seca de gols de atacantes desde saída de Róger Guedes

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Corinthians está passando por uma seca de gols de seus jogadores de ataque desde a venda de Róger Guedes, artilheiro isolado do time em 2023, no início do mês passado.

HOMENS DA FRENTE EM BAIXA

Os atacantes do time alvinegro paulista passaram em branco nos quatro jogos mais recentes. O zagueiro Gil e o volante Maycon foram os responsáveis pelos dois gols da equipe no período.

Gustavo Mosquito foi o último jogador do setor a marcar. Ele balançou a rede há três semanas, contra o Cruzeiro, no jogo em que voltou a atuar após dez meses.

Róger Guedes fez 21 gols no ano, mais do que o dobro do vice-artilheiro Yuri Alberto, que tem dez. O camisa 9 é seguido na lista de goleadores da temporada por dois jogadores com cinco gols cada: Renato Augusto e Adson -que também já deixou o time na janela de transferências.

O Corinthians não conta com Guedes há dez jogos. Agora no Al Rayyan, do Qatar, ele jogou pela última vez pelo clube brasileiro no duelo contra o Vasco, em 29 de julho -inclusive tendo marcado na partida.

Foram dez gols feitos desde então, com apenas cinco sendo marcados por jogadores que atuam na frente. Yuri Alberto e Wesley, ambos com dois tentos, e Gustavo Mosquito foram os atacantes que balançaram a rede, com os gols saindo em somente três confrontos.

SEM VETERANOS NO ATAQUE

O paraguaio Angel Romero é o jogador mais experiente no setor. Aos 31, tem cinco anos a mais do que Mosquito, segundo mais velho do ataque.

As outras opções na frente têm menos de 23 anos. Yuri Alberto puxa a fila, com 22, tendo Biro, Giovane e Felipe Augusto logo atrás, com 19, e Wesley como o caçula, com 18.

O clube ainda teve a baixa de Giovane e está prestes a emprestar novamente Léo Natel, desta vez para o futebol australiano. O jovem de 19 anos, que havia perdido espaço na equipe, sofreu uma lesão na coxa esquerda e deve ficar fora por dois meses.

O Corinthians tem a pausa da Data Fifa para recuperar o faro artilheiro de seus atacantes para o fim da temporada. Além da briga contra a parte de baixo da tabela do Brasileirão, o time está na semifinal da Sul-Americana e tem a possibilidade de voltar a conquistar um título desde 2019.

CORINTHIANS DESDE SAÍDA DE GUEDES

– 10 jogos
– 4 partidas em branco
– 10 gols marcados
– 5 gols de atacantes em três jogos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *