domingo, março 3, 2024
Direto de Brasília

Preservação aliada a desenvolvimento é fundamental ao progresso das regiões,destaca Socorro Neri

Assessoria
Numa sessão das mais concorridas na Comissão do Meio Ambiente da Câmara dos Deputados que marcou o lançamento da Consulta Pública do PPCerrado e contou com a ministra Marina Silva, do Meio Ambiente, a deputada marcou presença,nesta quarta-feira(13) com questionamentos essenciais acerca da preservação/aproveitamento do principal bioma da região Centro-Oeste. ”Por sua extensão e posição geográfica, o Cerrado é fundamental para todo equilíbrio ambiental brasileiro”, justificou. Alíás, a própria ministra compartilhou a opinião, ao enfatizar “a importância estratégica do Cerrado como ‘caixa d’água’ para o equilíbrio hídrico do Brasil”.
A ministra lembrou, então, o esforço para fazer face ao verdadeiro ataque do Governo anterior à legislação ambiental e ressaltou “a feliz coincidência do Brasil contar hoje com um Governo progressista que tem dentre suas bandeiras a defesa ambiental”. Em relação aos questionamentos da deputada Socorro Neri sobre financiamento e envolvimento das comunidades no esforço ambiental, Marina Silva disse que a estratégia está contida no próprio PPCerrado . Já no que se refere ao desmatamento, levantado pela deputada acreana, a ministra lembrou que grande parte das licenças “foram ilegais e especulativas” cuja anulação exige a implementação de um novo modelo de desenvolvimento.
Desenvolvimento econômico e proteção ambiental
Ao agradecer à “conterrânea” Socorro Neri pela presença e parceria, Marina Silva adiantou que o Governo Federal vem administrando o binômio “desenvolvimento econômico/proteção ambiental” através do combate às práticas ilegais e a implementação de projetos/programas que garantam alternativas às pessoas. “Já recuperamos o Bolsa-Verde e estamos fazendo a captação do Fundo Amazônia para os programas de desenvolvimento sustentável bem como outras atividades que advirão do Fundo Clima”. Para a deputada, são iniciativas que demonstram mérito, “e “merecem todo reconhecimento e suporte”
Meio Ambiente e o Acre
A ministra adiantou que o Acre pode esperar de sua pasta um profícuo trabalho de parceria. Marina Silva acrescentou ainda que o Governo Federal está trabalhando “a agenda de combate à desigualdade, geração de emprego/renda, mas protegendo o meio ambiente e ao mesmo tempo trabalhando para a transição de agricultura de baixo carbono, que é importante mas não pode ser agricultura predatória”.
Por seu lado, a deputada Socorro Neri salientou que o trabalho ambiental de parceria com o Governo Federal, ”vem ao encontro das políticas ambientais implementadas pelo Governo do Estado”. E ,segundo a parlamentar, só pode trazer benefícios em nível de prosperidade econômica e avanço social, sem esquecer nunca de dar o espaço às comunidades locais “que, em última análise, são os grandes guardiões do bioma amazônico e garantem e preservam a identidade, riquezas e demais atributos da região”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *