terça-feira, maio 21, 2024
Meio Ambiente

El Niño ainda pode causar chuvas e secas mais severas no país

O fenômeno El Niño ainda pode gerar situações climáticas com capacidade de repetir desastres como o Ciclone que atingiu o Rio Grande do Sul, na semana passada.

A análise é do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, o Cenaden, que realizou uma reunião nesta sexta-feira.

O pesquisador do Cenaden, Giovanni Dolif, aponta que pode haver previsão de chuvas acima da média para o sul do país até o final do ano.

A meteorologista Caroline Vidal, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, reforça que a expectativa é de que o El Niño provoque uma seca maior nas Regiões Norte e Nordeste.

O pesquisador do Cemaden João Reis, alerta para risco de queimadas também influenciado pelo El Niño.

O El Niño é um evento meteorológico que indica um aquecimento anormal e constante do Oceano Pacífico, próximo a linha do equador, e influência as condições climáticas de toda América do Sul.

A previsão é de que o fenômeno influencie uma maior seca nas regiões Norte e Nordeste do país. Enquanto no Sul, o El Niño interfere na circulação de ventos, provando um aumento de chuvas concentradas na região.

Meio Ambiente Brasília 15/09/2023 – 19:27 Roberta Lopes / Beatriz Albuquerque Gésio Passos – repórter da Rádio Nacional El Niño sexta-feira, 15 Setembro, 2023 – 19:27 151:00

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *