quarta-feira, maio 22, 2024
Esportes

Palmeiras joga para mostrar que Data Fifa não será um problema como há três meses

Depois de dez dias só para descansar e treinar, o Palmeiras volta nesta sexta-feira a jogar. Enfrenta às 21h30 o Goiás em duelo da 23ª rodada do Brasileirão. O plano do time de Abel Ferreira, vice-líder do campeonato, é ganhar para reduzir a vantagem em relação a líder Botafogo.

São 41 pontos somados, dez a menos que o Botafogo. A distância é grande, mas o sonho do bicampeonato brasileiro continua vivo. O Palmeiras está invicto há três jogos contra o Goiás (um empate e duas vitórias nos dois encontros mais recentes). No primeiro turno, goleou o rival por 5 a 0.

“Respeitamos o Goiás, pois dentro de jogo não tem favorito. Cada jogo é especial, diferente”, disse o lateral-esquerdo Piquerez, que foi titular do Uruguai nos últimos compromissos pelas Eliminatórias contra Chile e Equador. Ao entrar em campo, ele vai alcançar a 11ª posição do ranking de estrangeiros com mais partidas pelo Palmeiras na história.

“Temos de entrar ligados para fazer um bom jogo, poder somar mais três pontos e também servir de preparação. Esse mês é muito importante para nós, teremos jogos importantes”, afirmou o uruguaio, em referência, principalmente, ao primeiro dos dois jogos com o Boca Juniors pelas semifinais da Libertadores. A partida de ida, marcada para dia 28, será disputada na Argentina.

Com sete partidas consecutivas sem sofrer gols (Atlético-MG, Cruzeiro, Cuiabá, Deportivo Pereira-COL, Vasco, Deportivo Pereira-COL e Corinthians), o Palmeiras ostenta a maior sequência na era Abel Ferreira com a baliza intacta.

Abel não terá o zagueiro Murilo na partida desta sexta. O zagueiro foi expulso no dérbi contra o Corinthians e cumpre suspensão. Luan será o substituto e formará a dupla de zaga com Gustavo Gómez, outro a defender sua seleção, o Paraguai, na Data Fifa. Como Piquerez, ele foi titular nos dois jogos do time paraguaio.

Os outros convocados foram Richard Rios (Colômbia) e Raphael Veiga (seleção brasileira). Estes, porém, não se desgastaram. O colombiano não saiu do banco de reservas e o meio-campista atuou por poucos minutos na vitória por 1 a 0 do Brasil sobre o Peru em Lima.

O clube fez um trabalho de inteligência com o apoio do Núcleo de Saúde e Performance para minimizar os efeitos das mudanças de metodologia de trabalho dos jogadores convocados por suas seleções. O plano foi elaborado depois que alguns jogadores, como Raphael Veiga, retornaram em baixa da Data Fifa anterior, no fim de junho, afetando o desempenho da equipe, que perdeu, naquele período, a sua invencibilidade no torneio e atravessou uma série negativa de resultados.

O jovem meia-atacante Luís Guilherme, em estágio avançado de transição física, pode voltar a ser relacionado depois de quase um mês sem jogar devido a um estiramento na coxa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *