quarta-feira, maio 22, 2024
Polícia

Pescadores encontram corpo de homem dentro de saco em rio no interior do Acre

Moradores da cidade de Plácido de Castro, interior do Acre, encontraram o corpo de um homem dentro de um saco azul enquanto pescavam no Rio Abunã nesta sexta-feira (15). Os restos mortais foram recolhidos pelas equipes do Instituto Médico Legal (IML) e encaminhado para Rio Branco para exames cadavéricos.

A suspeita da Polícia Civil é de que o corpo seja de Erivaldo Gomes de Paiva, de 49 anos, que sumiu na última terça (12) na cidade. Paiva trabalhava com crediário, morava em Acrelândia, município vizinho, e saiu de casa para fazer cobranças em Plácido de Castro na terça.

A família buscou a polícia de Acrelândia para registrar o desaparecimento do vendedor. A informação foi confirmada pelo delegado Dione Lucas. Segundo ele, os policiais chegaram a ir até Plácido de Castro fazer buscas por Erivaldo Paiva e saber o paradeiro dele.

Os policiais descobriram que Paiva foi visto em um bar da cidade antes de sumir.

Corpo achado

 

Ao g1, o delegado de Acrelância, Leandro Lucas Barreto, explicou que os pescadores ligaram para a emergência, pelo 190, e chamaram a polícia. O IML foi acionado para recolher o cadáver.

“Viram o saco e acharam o corpo. Quando foram verificar, viram que se tratava de partes de corpo humano, a polícia compareceu ao local e logo acionamos o IML. O pessoal está em campo colhendo informações, não temos, até o momento, como apontar suspeitos”, acrescentou.

Ainda segundo o delegado, a equipe já fazia alguns levantamentos desde o desaparecimento de Erivaldo Paiva. Agora, os trabalhos são voltados para apurar o homicídio. “Embora tenham divulgado uma suposta identidade, ainda não foi confirmado, o trabalho do IML é fazer a identificação junto com a família. Ainda não foi feita a identificação”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *