segunda-feira, maio 27, 2024
Mundo

Espanha. Condenado a 19 meses de prisão por invadir casa e cheirar cuecas

Um homem em Alicante, na Espanha, foi condenado a uma pena de prisão de 19 meses por invadir a casa de sua ex-mulher com a intenção de… cheirar suas roupas íntimas.

O próprio suspeito admitiu o ato, sendo também acusado de ter instalado um gravador na casa da mulher para registrar suas conversas.

Conforme relatado pelo jornal Información, o acusado aceitou um acordo entre sua defesa, a acusação privada e o Ministério Público, declarando-se culpado de um crime continuado de invasão de domicílio com agravante de parentesco. Além da pena de prisão, ele foi condenado a pagar uma indenização de 12 mil euros (cerca de R$ 63 mil) à vítima.

O homem foi descoberto dentro da casa da mulher por um amigo dela.

Leia Também: Na fila para tirar foto, homens brigam no alto da Pedra do Telégrafo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *