quarta-feira, abril 24, 2024
Mundo

Mulher entrega arma a mãe com demência: "Ser cuidadora é difícil"

Uma mulher do Oklahoma, nos Estados Unidos, foi detida e está sendo acusada de incentivar o suicídio de sua própria mãe.

Jaydee Watts, de 44 anos, era a cuidadora de sua mãe, de 77 anos, que sofria de demência, de acordo com informações do The Oklahoman. A suspeita teria entregue uma arma à mãe, encorajando-a a tirar a própria vida, alegando depois que “ser cuidadora 24 horas por dia é difícil”.

Após a morte da idosa em setembro passado, a polícia conduziu uma investigação utilizando imagens de videovigilância. Através dessas imagens, Jaydee foi vista repreendendo verbalmente a mãe, chamando-a de criança e fazendo ameaças. Ela também foi flagrada entrando no quarto e colocando uma arma nas mãos da mãe, dizendo: “Faça o que precisa ser feito”, conforme relatado pela polícia de Oklahoma.

A idosa disparou dois tiros contra si mesma e veio a falecer. Posteriormente, Jaydee ligou para o hospital informando que a mãe havia cometido suicídio. Levada a uma delegacia de polícia, Jaydee admitiu que ser “cuidadora 24 horas por dia era difícil”. Ela foi acusada de homicídio em segundo grau por abuso de cuidador e rapto.

Leia Também: PMs atiraram seis vezes contra homem esquizofrênico morto dentro de batalhão em SP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *