sábado, fevereiro 24, 2024
Mais Polícia

Tentativa de Homicídio por Ciúmes: Mulher Crava Faca na Jugular da Rival

Fabiano Azevedo do Site Amazônia Agora

Incidente ocorreu em Rio Branco (AC) após descoberta de traição envolvendo catadoras de latinhas

Uma violenta tentativa de homicídio chocou moradores de Rio Branco (AC) na noite do último domingo (22), por volta das 18:20. Layra Diniz Estevão Freire, 27 anos, quase tirou a vida de sua colega de trabalho, Susie Suelem Pereira de Oliveira, 33 anos, ao cravar uma faca na jugular da vítima.

O motivo do ataque foi ciúmes, relacionado ao envolvimento de Susie com o marido de Layra. Ambas as mulheres viviam em situação de rua e trabalhavam como catadoras de latinhas.

Segundo relatos de testemunhas no bairro Preventório, Layra teria descoberto a traição e, tomada pela fúria, pediu uma faca emprestada para uma pessoa, afirmando sua intenção de cometer um crime. Apesar dos esforços para acalmá-la, Layra invadiu uma residência sem permissão e pegou uma faca, indo em direção a Susie.

Desprevenida, Susie foi surpreendida pelos golpes, sofrendo ferimentos na perna e um corte profundo no pescoço. Populares prontamente acionaram a Polícia Militar, que deteve Layra em flagrante e a encaminhou para a Delegacia de Flagrantes (DEFLA). A acusada já era monitorada por tornozeleira eletrônica, a qual havia cortado recentemente.

A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) prestou atendimento à vítima de forma ágil, conduzindo-a em estado grave para o Pronto Socorro da capital. O médico plantonista da ambulância de suporte avançado alertou para a gravidade da situação, indicando que o corte profundo no pescoço prejudicou a via jugular, resultando em uma considerável perda de sangue.

Policiais civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) estiveram no Pronto Socorro para obter mais informações sobre a motivação do crime. As investigações seguem em curso.

O ocorrido ressalta a importância de lidar de forma pacífica e legal com situações de ciúmes e desavenças pessoais, evitando o recurso à violência. A vítima, Susie Suelem Pereira de Oliveira, enfrenta um delicado estado de saúde e merece todo o suporte e cuidado necessários para sua recuperação.

Foto Contilnet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *