quarta-feira, abril 24, 2024
Life Style

Onda de calor: 7 medidas simples para evitar gasto maior de energia

Neste momento em que as cidades brasileiras enfrentam uma onda de calor que pode ultrapassar os 40º C em algumas localidades, a Associação Brasileira das Empresas de Serviços Conservação de Energia (ABESCO) faz um alerta: o consumo de energia residencial pode aumentar consideravelmente nos dias de altas temperaturas em razão do uso de eletrodomésticos. Por isso, é preciso estar atento para evitar surpresas na hora de pagar a conta, já elevada em razão da recente alta dos preços.

O presidente da ABESCO, Bruno Herbert, observa que esta é, inclusive, uma oportunidade para que as pessoas possam ter mais interesse na educação para a Eficiência Energética: “Com esse inverno atípico e a despesa com energia cada vez mais elevada, é importante redobrar a atenção. A adoção de medidas de eficiência energética pode ser uma alternativa definitiva para diminuir gastos e ajudar a equilibrar as finanças em casa”.

Um ponto levantado pelo gestor da Associação tem relação direta com o uso do ar-condicionado: “A primeira indicação é abrir as janelas e as portas internas da casa para deixar o ar circular livremente. Caso não seja o suficiente para aliviar o calor, é preciso buscar um aparelho de ar-condicionado eficiente e utilizá-lo de forma equilibrada, regular a temperatura e evitar o frio excessivo e alterações constantes, assim como fazer a manutenção no prazo ideal”.

Já no quesito inovação, o especialista explica que hoje há tintas com nanotecnologia que reduzem de 5 a 6º C a temperatura interna, o que também diminui a necessidade de um consumo maior. “Isso ajuda a manter o clima da superfície mais baixo e evita o superaquecimento de estruturas expostas ao sol, como telhados, paredes externas ou fachadas de edifícios. É uma tecnologia que contribui para conter a necessidade de resfriamento excessivo, algo muito utilizado em galpões comerciais, por exemplo”.

Além das dicas para reduzir o consumo (veja abaixo), a população ainda pode consultar os simuladores disponibilizados nos sites das principais concessionárias de energia elétrica do País. Por meio deles, é possível conhecer melhor a energia consumida por cada aparelho dentro de casa. Ao selecionar cômodos e equipamentos, a pessoa informa a potência e o tempo de uso dos aparelhos. Feito isso, o simulador estima o consumo total.

Dicas para ser energeticamente eficiente em casa

Lâmpadas

Aproveite a iluminação natural. Ligue lâmpadas apenas quando necessário. Apague as luzes sempre que sair de determinado cômodo. Agora em se tratando da necessidade da iluminação artificial, a indicação é optar pelas lâmpadas de LED ou fluorescentes, modelos que oferecem iluminação mais eficaz e que têm menor gasto energético em comparação às incandescentes.

Ar-condicionado e ventilador

O consumidor deve checar o selo Procel, que indica os aparelhos mais eficientes da categoria. O ideal é comprar os que tenham o selo ou que venham com a etiqueta do Inmetro com a letra “A”. Além disso, é preciso: otimizar o uso, fechando portas e janelas; fazer a manutenção no prazo ideal; manter temperatura equilibrada, evitando frio excessivo e gasto maior.

Computador

Utilize o recurso de economia de energia, assim o monitor e o computador estarão em estado de espera quando não estiverem em uso momentaneamente. Não deixe monitores, impressoras, caixas de som, estabilizadores e outros acessórios ligados ou em stand by sem necessidade.

Celular

Evite deixar o celular carregando enquanto dorme. Ao atingir o carregamento total, retire-o da tomada. Evite usar o celular enquanto ele carrega, pois a bateria irá demorar a carregar e, consequentemente, o consumo de energia será maior.

Televisão

Deixe a televisão ligada apenas quando alguém estiver assistindo. À noite e se estiver no quarto, utilize o recurso “timer” para programar o desligamento. Retire os aparelhos da tomada quando estiverem fora de uso.

Geladeira

Verifique o controle de temperatura e ajuste o termostato, se necessário, para evitar desperdício de energia. Não use plásticos ou panos para forrar as prateleiras e jamais use a parte traseira da geladeira para secar roupas, tênis etc.. Observe as borrachas de vedação da porta; elas precisam estar em bom estado para não ocorrer perda de energia. Não deixe o fogão e a geladeira próximos.

Chuveiro elétrico

Tome banhos rápidos. Desligue o chuveiro ao ensaboar o corpo ou ao passar xampu e condicionador nos cabelos. Atenção para a instalação correta, para que não haja choques ou acidentes e nem desperdício de energia. Sempre que possível, tome banhos com o chuveiro na posição verão ou até mesmo completamente desligado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *