segunda-feira, abril 22, 2024
Esportes

Red Bull Bragantino busca a reabilitação, e Internacional tenta afastar o perigo de queda

Depois de um empate e uma derrota, o Red Bull tem mais um importante desafio na luta pela reabilitação para continuar na briga pela liderança do Campeonato Brasileiro, ainda mais depois dos últimos vacilos do Botafogo. Neste domingo, fora de casa, visita o Internacional, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), às 18h30. Apesar de estar na parte intermediária da tabela, os donos da casa também têm objetivos a cumprir.

Nas duas últimas rodadas, o Bragantino despencou da segunda para a quinta colocação, com 59 pontos. E, agora está a três do Palmeiras, novo líder com 62. Empatou em casa por 2 a 2 com o Botafogo e na quinta-feira perdeu por 1 a 0 no confronto direto com o Flamengo, no Maracanã.

A delegação do Red Bull Bragantino sequer voltou para o interior de São Paulo e, sexta-feira, embarcou direto do Rio de Janeiro para Porto Alegre (RS). O técnico Pedro Caixinha não poderá contar com o atacante Thiago Borbas, que foi expulso e cumpre suspensão.

Por outro lado, o zagueiro Léo Realpe volta de suspensão. Além dele, o meia-atacante Matheus Gonçalves, que não atuou contra o Flamengo por estar emprestado pelo time carioca, também retorna. Eric Ramires e Luan Patrick, em transição física, viajaram com o elenco, mas não têm presenças confirmadas.

O português Caixinha manteve o seu discurso de pensar rodada a rodada. “Nós temos ainda quatro jogos para ganhar, mas vamos pensar em cada jogo como sempre fizemos. Cada um deles será importante para nosso clube.”

Na 13ª colocação, com 43 pontos, o Internacional tenta acabar – matematicamente – com os riscos de rebaixamento. Precisa de dois pontos, portanto, tem que vencer. Ao mesmo tempo, mira uma vaga na próxima Copa Sul-Americana superar a pior campanha colorada na ‘Era dos Pontos Corridos’ que aconteceu em 2016, ano do rebaixamento, quando somou 43 pontos.

O técnico Eduardo Coudet tem desfalques importantes, mas também conta com alguns retornos. O goleiro Sergio Rochet voltou da seleção uruguaia, treinou normalmente na sexta-feira e vai ser titular. O lateral-esquerdo Renê, recuperado de uma lesão muscular na coxa esquerda, também está de volta, assim como o volante Johnny e o atacante Ener Valencia, recuperados de lesões.

Por outro lado, o volante Aránguiz e o meia Alan Patrick ficarão de fora porque receberam o terceiro cartão amarelo na derrota por 3 a 0 para o Palmeiras. Bruno Henrique deve ocupar a vaga de Aránguiz, enquanto De Pena, Pedro Henrique e Luiz Adriano brigam pela titularidade no meio-campo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *