quinta-feira, abril 25, 2024
Esportes

Técnico João Brigatti indica permanência na Ponte e exalta seu trabalho: ‘Bato palmas para mim’

Passado o susto na Série B do Campeonato Brasileiro, em que brigou contra a queda até a última rodada, a Ponte Preta já olha para 2024. O técnico João Brigatti, que assumiu o time nas últimas rodadas da segunda divisão, indicou que seguirá no comando do clube ao falar sobre o planejamento para a próxima temporada.

“Estamos comemorando a permanência na Série B, mas temos o mês de dezembro para estruturar a Ponte Preta e, com a ajuda de todos, fazer um grande Paulistão, uma arrancada de estrutura, de atletas de qualidade que precisamos buscar. O Paulista e a Série B não são fáceis e vamos precisar de um elenco forte. Precisamos da ajuda de todos para conseguir trazer esses atletas”, projetou.

Ao comemorar a permanência na Série B, conquistada com vitória diante do CRB, por 2 a 0, em casa, no último sábado, Brigatti não usou de falsa modéstia e elogiou seu próprio trabalho. “Eu não ia aceitar, mas pode ter certeza que outro treinador não salvaria. Na situação que pegamos o grupo moralmente, praticamente não conseguia dar treino, os atletas não reagiam. Foi uma situação muito complicada. Dou os parabéns para todos, mas dou os parabéns para mim também. Hoje bato palmas para mim, vou deixar minha humildade de lado”, comemorou.

Brigatti retornou à Ponte em julho para ser coordenador de futebol. Ele chegou junto com o técnico Pintado, que foi demitido após 11 jogos. Em oito jogos, Brigatti teve duas vitórias, três empates e três derrotas.

Com a vitória, a Ponte não precisou de nenhum outro resultado e terminou a competição com 42 pontos, em 15º lugar. As duas rodadas anteriores também foram importantes para a permanência: venceu o confronto direto com o Tombense, fora de casa, por 1 a 0, e empatou sem gols com o Juventude, que foi vice-campeão, também fora de casa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *