quinta-feira, abril 25, 2024
Politics

Em quanrto isso na Aleac: Deputado Jarude denuncia pagamento indevido a servidores fora do Acre: “Alerta para ilegalidade”

Emerson Jarude (Novo) revela gastos irregulares de R$ 700 mil com servidores que não atuam no estado


Nesta terça-feira (28), o deputado Emerson Jarude, do partido Novo, utilizou a Tribuna da Assembleia Legislativa para expor uma situação preocupante relacionada aos gastos públicos no Acre. Jarude revelou que um requerimento de pedido de informação sobre servidores trabalhando fora do estado foi inicialmente negado, levando-o a buscar diretamente a Casa Civil para obter os dados.

“Estamos fazendo a checagem com vinte nomes”, afirmou o deputado, solicitando a colaboração dos servidores para identificar colegas nessa condição. A denúncia aponta para um gasto ilegal de aproximadamente R$ 700 mil destinados a pagamento de servidores públicos que não desempenham suas funções no Acre.

Da lista de servidores investigados, Jarude destacou que 16 deveriam receber do estado onde estão alocados, mas oito continuam a receber salários do Acre. Esse cenário, além de questionar a legalidade do processo, destaca uma incoerência diante das alegações do governo sobre falta de recursos para atender demandas da população.

O deputado enfatizou a necessidade de coerência administrativa, especialmente quando o governo alega limitações financeiras para realizar determinadas ações. “O Acre gasta ilegalmente R$ 700 mil pagando servidor público que não trabalha no Acre”, alertou Jarude, reforçando a importância de corrigir essa prática para garantir a legalidade e eficiência na administração dos recursos públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *