script async src="https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js?client=ca-pub-2913509317834347" crossorigin="anonymous"> Liberdade provisória para motorista bêbado que matou mãe e filho é questionada por promotor: “Basta de trânsito assassino, diz Tales Tranin”
sexta-feira, junho 14, 2024
Polícia

Liberdade provisória para motorista bêbado que matou mãe e filho é questionada por promotor: “Basta de trânsito assassino, diz Tales Tranin”

Um motorista de caminhão que causou um acidente fatal na AC-40, na estrada de acesso a Senador Guiomard, próximo à Curva do Tucumã, foi solto neste domingo (4) após audiência de custódia.

Francisvaldo Ribeiro, de 49 anos, atropelou e matou uma mãe e seu filho de 8 anos que esperavam o ônibus na manhã do último sábado (3). Ele estava embriagado e dirigia em alta velocidade, segundo testemunhas.

O promotor de justiça Tales Tranin, que pediu a prisão preventiva do acusado por dolo eventual, ou seja, quando o agente assume o risco de produzir o resultado, disse que vai recorrer da decisão que concedeu a liberdade provisória. “É um absurdo que alguém que tira a vida de duas pessoas inocentes, em uma via movimentada, sob efeito de álcool, possa responder em liberdade. Esse é um caso de homicídio doloso, que deve ir a júri popular”, afirmou.

As vítimas foram identificadas como Natacha Karoline de Souza Gomes, de 25 anos, e seu filho de 8 anos. O menor teve seu óbito constatado na hora, ja a sua mae morreu horas depois no PS, enquanto Francisvaldo sofreu apenas escoriações.

Ele foi submetido ao teste de bafômetro e foi constatado que o mesmo havia ingerido bebida alcoólica.

Fonte: Noticiasdahora,com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *