sexta-feira, março 1, 2024
Life Style

Mudanças na alimentação que ajudam a ter um intestino mais saudável

Muitos desconhecem, mas o intestino abriga “trilhões de microrganismos que influenciam nosso humor, peso e sistema imunológico”, conforme explicado pelo médico e autor Michael Mosley, citado no Wales Online. Quando opera corretamente, tem um impacto muito positivo, mas ao adotar hábitos menos ‘amigáveis’, aumenta o risco de problemas de saúde, como inchaço e azia.

Considerando isso, o médico compartilhou três mudanças na alimentação muito simples, mas que contribuem para manter a microbiota intestinal saudável e ‘feliz’. Anote e incorpore-as o mais rápido possível.

Três ajustes na alimentação para promover um intestino mais saudável:

1. Adotar uma dieta mediterrânea (ou similar), rica em alimentos fibrosos, que beneficia o intestino;

2. Priorizar a diversidade alimentar. Ter uma “grande variedade de micróbios no nosso intestino, ou diversidade microbiana”, faz toda a diferença. Por isso, é aconselhável incluir alimentos diversos, como vegetais sem amido, gorduras saudáveis, carnes e legumes;

3. Incorporar pré e probióticos na dieta. Os prebióticos são fibras não digeríveis que servem como alimento para os microrganismos, estimulando seu crescimento e atividade. Já os probióticos são microrganismos vivos capazes de proporcionar benefícios para a saúde quando consumidos.

Leia Também: Estes oito alimentos podem salvar-lhe a vida, segundo um médico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *