sexta-feira, março 1, 2024
Famosos

‘Loucura que não tem cura’, diz Narcisa Tamborindenguy, primeira rainha do Baile do Copa

KARINA MATIAS
RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) – Assim que chega ao Baile do Copa, na noite deste sábado (10), a socialite Narcisa Tamborindeguy é abordada por um homem que diz ser seu fã e pede uma foto.
Ela prontamente o atende, mas também tem um pedido. “Tem que me seguir no Instagram, é @narcisat”, diz ela. “Eu já sigo, te acompanho, adoro a sua energia”, responde ele.

Narcisa diz ter escolhido um vestido rosa fúcsia com plumas, “tipo Marilyn Monroe”, para combinar com o tema da celebração, “Extravangarde”, uma mistura de extravagância e avant-garde, segundo os idealizadores. “Achei que era uma roupa bem glamourosa e bem extravagante”, explica.

Moradora do edifício Chopin, vizinho ao Copacabana Palace, Narcisa é conhecida por ter histórias folclóricas no hotel. “Eu fui a primeira rainha do Baile do Copa. Amo. Acho uma decoração linda, alto astral, adoro as marchinhas, várias atrações. Sou fã.”

Antes de curtir a festa, Narcisa se despede da coluna com seu já conhecido e celebrado bordão: “Ai, que loucura que não tem cura. Ai, que badalo.”

Leia Também: Ana Paula Minerato desmaia antes de desfile, se recupera a tempo e entra na avenida pela Gaviões

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *