Um homem identificado inicialmente apenas por José, morador da cidade de Epitaciolândia, deu entrada no hospital Regional Raimundo Chaar por volta das 22h30 desta quinta-feira, dia 13, com vário ferimentos de arma branca (faca).

Segundo foi apurado até o momento, José teria se envolvido em uma discussão na praça localizada em frente a delegacia da Polícia Federal com um monitorado por tornozeleira, que estava armado com uma faca na cintura.

Foi quando teria acontecido uma agressão física entre ambos e o acusado partiu pra cima de José, desferindo vários golpes o atingindo pelo menos por cinco vezes, para em seguida fugir tomando rumo ignorado.

A vítima foi levada para o hospital por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, onde recebeu atendimentos médico e ficou em observação.  Foi avisado pela direção do hospital, que José será transferido para a Capital devido os ferimentos causados pela faca.

Em contato com o comando do 5º Batalhão da Polícia Militar em Brasiléia, foi apurado que o acusado é monitorado por tornozeleira, que recentemente foi preso por ter cortado outro equipamento, sendo liberado em seguida após ganhar outro.

O caso está sendo acompanhando pela autoridades policiais e esperam prender o acusado nas próximas horas.

Mais informações a qualquer momento.