Reforço no policiamento será feito de forma integrada com a participação de todas as forças de segurança do Amazonas, conforme a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). Operação também acontece em Manaus.
Marcelo Moreira/Rede Amazônica
A operação “Inquietação”, que visa reforçar o policiamento nos 62 municípios do Amazonas para combater o tráfico de drogas, foi deflagrada nesta quinta-feira (23), no estado, conforme a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM).
O reforço no policiamento será feito de forma integrada com a participação de todas as forças de segurança do Amazonas: Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Departamento Estadual de Trânsito (Detran).
“Essa operação que está sendo lançada hoje vai ter apoio aéreo, temos os nossos helicópteros, o apoio dos drones. Hoje os drones estão sendo muito importantes na utilização para podermos enxergar mais à frente. Estamos utilizando as lanchas blindadas, estamos usando paredão, que hoje são mais de 500 câmeras. É um sistema inteligente que capta fotografias de carros e motos”, disse o general.
Manaus
O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Vinícius Almeida, destacou que, apesar de terem sido enviados 500 policiais para Parintins, a operacionalidade em Manaus não foi abalada, tendo em vista que 90% dos servidores atuam na administração da polícia.
O coronel Vinícius disse que, especificamente em Manaus, serão intensificadas as barreiras policiais em todas as zonas da cidade, com reforço nas áreas onde o serviço de inteligência indicar.
De acordo com o diretor do policiamento do interior, delegado Guilherme Torres, a atuação da Polícia Civil ocorrerá em duas frentes.
“A primeira será fazendo o trabalho de polícia judiciária, cumprimento de mandado de busca e prisão. E nessas mesmas áreas a PM vai fazer a ação ostensiva, fazendo as abordagens, fazendo a presença nesses locais em que foram delimitados como pontos mais críticos de atuação do tráfico”, relatou.
Vídeos mais assistidos do Amazonas