Qualquer pessoa pode enfrentar episódios súbitos e intensos de medo que desencadeiam um conjunto de reações físicas, como o aumento da frequência cardíaca, tremores e respiração acelerada, que podem até podem simular um enfarte ou morte iminente. Mas, apesar de poderem ser muito assustadoras, não apresentam perigo real. 

Com isso em mente, o psiquiatra Marco Abud compartilha, através da sua conta de Instagram, três dicas que permitem reduzir os estados de ansiedade. 

1- Convença-se que o ataque de ansiedade é uma peça pregada por sua mente. No fundo, trata-se de uma resposta do nosso corpo à crise.

2- Lembre-se que essa sensação não é real e não vai durar para sempre.

3- Foque-se no presente e redirecione a atenção para uma música, por exemplo, ou foque-se na sua respiração. 

Fonte: msn.com