segunda-feira, maio 27, 2024
Mais esportes

Manchester United anuncia afastamento de Antony por tempo indeterminado após jogador ser acusado de violência doméstica por ex-namorada

O caso Antony tem gerado muita polêmica e repercussão no mundo do futebol. O atacante brasileiro, que brilhou no Ajax e foi contratado pelo Manchester United em 2020 por uma cifra milionária, está sendo acusado de agredir e abusar sexualmente da sua ex-namorada, Gabriela Cavallin. As denúncias vieram à tona em junho deste ano, quando o portal UOL publicou uma reportagem com fotos, vídeos e áudios que mostrariam as marcas e as ameaças que a jovem teria sofrido por parte do jogador.

Segundo Gabriela, Antony teria dado uma cabeçada nela em um quarto de hotel em Manchester, em janeiro deste ano, causando um corte na testa que precisou de atendimento médico. Ela também alega que ele teria dado um soco no seu peito, danificando um implante de silicone que precisou de cirurgia corretiva. Além disso, ela afirma que ele teria forçado relações sexuais com ela em diversas ocasiões, sem o seu consentimento.

Antony nega as acusações e diz que está sendo vítima de uma tentativa de extorsão por parte da ex-namorada. Ele admite que o relacionamento dos dois era conturbado, mas garante que nunca cometeu nenhuma agressão física contra ela. Ele também diz que as mensagens divulgadas foram manipuladas e que tem provas da sua inocência. Ele afirma que vai cooperar com as investigações policiais e que confia na justiça.

O caso está sendo apurado pela Polícia Civil de São Paulo e pela Polícia da Grande Manchester, na Inglaterra. As autoridades não deram detalhes sobre o andamento das investigações, mas disseram que estão cientes das alegações e que vão averiguar os fatos.

Enquanto isso, Antony está sofrendo as consequências da repercussão negativa do caso. Ele foi desconvocado da seleção brasileira, que disputa as eliminatórias para a Copa do Mundo, pelo técnico Fernando Diniz, que preferiu preservar o jogador e a suposta vítima. Ele foi substituído por Gabriel Jesus, do Arsenal.

Além disso, ele foi afastado do Manchester United por tempo indeterminado, em acordo mútuo com o clube. O time inglês divulgou uma nota oficial dizendo que condena atos de violência e abuso e que reconhece o impacto que as denúncias têm sobre os sobreviventes de abusos. O clube disse ainda que Antony vai adiar o seu retorno aos treinos até novo aviso, a fim de responder às acusações.

Antony confirmou o afastamento nas redes sociais e disse que a decisão foi tomada para evitar distrações aos seus companheiros de vestiário. Ele reiterou a sua inocência e disse que está ansioso para voltar aos gramados.

O caso Antony é mais um exemplo de como a violência doméstica e o abuso sexual são problemas graves e recorrentes na sociedade e no esporte. É preciso combater esses crimes com rigor e responsabilidade, respeitando os direitos das vítimas e garantindo o devido processo legal aos acusados. É preciso também conscientizar as pessoas sobre a importância de denunciar essas situações e de buscar apoio psicológico e jurídico. Somente assim será possível construir uma cultura de paz e respeito entre homens e mulheres.

Fonte: Imediatoonline.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *