Michelle usa frase de Janja para ironizar operação da PF contra Bolsonaro
1 min read

Michelle usa frase de Janja para ironizar operação da PF contra Bolsonaro

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Michelle Bolsonaro ironizou a operação da PF deflagrada nesta quinta-feira (8) contra Jair Bolsonaro (PL) e aliados usando uma frase que Janja citou anteriormente.

A primeira-dama Rosângela da Silva, a Janja, disse à militância do PT no final do ano passado que “se tudo der certo, logo Bolsonaro vai estar preso”. A afirmação aconteceu em uma mesa na Conferência Eleitoral e Programa de Governo, em Brasília.

Michelle resgatou a frase de Janja para ironizar a operação contra o marido. A publicação foi feita em suas redes sociais horas depois do início dos trabalhos da PF: ”Se tudo der certo…Se lembram? Pois bem…”.

O filho Eduardo Bolsonaro também criticou o STF e a operação. Segundo ele, a Política no Brasil tem sido feita e decidida no STF. O deputado também sugeriu uma suposta perseguição política.

A OPERAÇÃO DE HOJE

Jair Bolsonaro é alvo de busca e apreensão. O mandado foi autorizado pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF.

Os agentes foram até a casa de Bolsonaro em Angra dos Reis (RJ) para recolher seu passaporte. Como o documento não estava no local, foi dado o prazo de 24 horas para a entrega.

A PF também apreendeu o celular de Tércio Arnauld Thomaz, ex-assessor do ex-presidente. Ele estava em Angra com Bolsonaro.

Leia Também: Damares e líder do PL criticam ação da PF contra Bolsonaro e ex-ministros; Mourão não comenta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *