Justiça
Cresce 43% o número de agressores de mulheres presos em SP

ALFREDO HENRIQUESÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Enquanto a população carcerária paulista diminui 12% em cinco anos, o número de presos por agredir e ameaçar mulheres aumentou em 43%, segundo dados da SAP (Secretaria da Administração Penitenciária). Em 2016, estavam atrás das grades 2.612 condenados por cometer crimes contra mulheres. Em